segunda-feira, 11 de abril de 2011

Detesto

Que tentem saber tudo da minha vida.
Que me controlem os passos, o respirar, os pensamentos, os desejos, os projectos.
Que me digam que tenho dinheiro, que não tenho dinheiro. Que gasto mal, que só dou valor a coisas inúteis.
Que tentem saber aquilo que ganho, que o meu marido ganha para fazem contas à nossa vida.
Que se façam de vítimas e não percebam que os outros também têm as coisas deles.
Que pensem que a minha vida é fácil só porque tenho um marido em casa que não se importa de fazer o jantar, dar banho ao miudo ou aspirar a casa.
Que me digam quinhentos mil anos depois que o marido respondeu mal, pois tal como eu não gosta que o controlem.
CARAMBA! São 34 quase 35 posso pensar por mim? Posso pedir conselho e decidir não o seguir? Posso sair quando quero e não ter de dar cavaco? Posso gastar no que quero sem ter de pedir permissão?
Poxa! Até parece que sou super gastadora. Sou um bocadinho com os miudos mas comigo sou bem forreta.
Detesto que me tratem como uma miuda para certas coisas, uma tontinha para outras, mas que seja adulta quando dá jeito.
Detesto, detesto, detesto.

2 comentários:

mumdream disse...

Uiiii, amiga nem imaginas como sei o que sentes. E ainda tu não tens os sogros a pagar-te o salário, senão então é que te controlavam. Ás vezes temos de nos zangar e dar um murro na mesa, pois no dia a dia somos "pau para toda a colher". Mas isso só nos torna nas mulheres/mães magnificas que somos, lol.
Beijinhos e muitas felicidades neste novo cantinho.

Anónimo disse...

Bem, já vi que isto é mal geral... Como eu te entendo... tenho cá em casa pó de suspiro da mesma qualidade! LOL Ainda ontem foi dia de festa, e tudo só porque eu pedi para baixarem o som da televisão...enfim! Deus, por favor! Não te esqueças de nós e Dá-nos paciência! :-) Bjocas da São

 

Template by Suck my Lolly