sábado, 21 de outubro de 2017

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Andamos a estudar

Estudamos para testes.
Fazemos pesquisa para trabalhos de grupo.
Fazemos TPC's.
O tempo não sobra para quase mais nada e no trabalho as coisas andam mais do mesmo, pessoas que gostam de desdizer e desfazer e por entraves problemáticos a tudo.
Bem, é a vida, tenhamos saúde e Deus do nosso lado que o resto se faz.

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Livro gratutito

Do site do autor
Por  5 dias este livro será disponibilizado de forma gratuita, em vários formatos, no blog do autor, ide lá ide.
E depois não digam que não sou vossa amiga.

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Eu não disse?

Pois, de falsas e de cínicas está o mundo cheio.
É que são ultimamente a regra é não a exceção.
Porque é tão difícil?
Só queria sinceridade e tratamento igual

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

As vezes gostava de não ser assim

Juro.
Gostava de ser diferente, mas é assim que sou.
Sou daquelas pessoas que quando ficam com a pulga atrás da orelha, ou de pé atrás numa situação, não há volta a dar.
É como alguém que confia sempre até ao dia em que descobre a primeira mentira, que pode até ser a única, mas a partir daí desconfia sempre.
Neste caso, desconfio que os suspostos amigos dos meu filho mais velho não são assim tão amigos, ou melhor que uma mãe anda a minar situações/relações nas minhas contas. É não é de hoje. Já fiquei com essa sensação no ano passado.
Neste caso em concreto não posso deixar passar "em branco", até porque não são aquelas coisas de miúdos, que hoje são muito amigos, amanhã já não são e depois voltam a ser.
Gostava de ser mais optimista. Não sou. E se fico a matutar alguma coisa é.

domingo, 1 de outubro de 2017

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Esta vida de dona de casa, está a dar cabo de mim #4

Quem é, quem é, que tira uma caixa de sopa (das grandes) do frigorífico e a deixa cair inteirinha no chão?
Eu, quem mais!

domingo, 24 de setembro de 2017

E como início escola significa compra de material escolar

Eu tenho, sempre tive, o hábito de escrever num bloco aquilo que tenho / preciso de comprar. Nem sempre consulto, isso é verdade, mas tenho apontado e actualizo.
Por essa razão, quando li este post fiquei a saber que afinal até sigo quase este método, porque para ser a 100% só me falta etiquetar as gavetas ☺
E vocês, como fazem?

sábado, 16 de setembro de 2017

# 121

Google imagens
(Só porque os meus filhotes foram convidados para uma festa anos, à hora de almoço. Ai a batata frita, as salsichas, os doces e pior......os salgadinhos!!!!!! Fica mal se levar sopinha de casa?)

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Ser mãe de 3 #35

É viver cada novo ciclo escolar como a mais absoluta novidade.
É ter ansiedade e noites mal dormidas preocupada com os novos ambientes, a nova escola, os amigos, etc & tal....
É pré-ocupar a mente e o coração com situações que só acontecerão daqui a uns 2 anos.
É fazer filmes dignos de um óscar de melhor argumento (e um globo de ouro, e um bafta e outros que tais)
É respirar profundamente, depois de suster a respiração dias a fio (a respiração do coração entenda-se), mas sempre ficando com um folegozinho reservado.
É ser mãe. E ser mãe ansiosa é assim.

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Ser mãe de 3 #34

O meu filho mais velho já tem telemóvel (touch) com número e tudo (as últimas palavras são do próprio).
A miuda ficou com o antigo dele, de teclas, que nem cartão tinha, era mais brincadeira.
O mais novo diz que o dele (de brincar) não é a sério e fez uma grande birra.
Mãe sofre.......

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Qual é a mãe qual é ela?

Que não consegur dormir bem, porque hoje os filhos voltam às semi-rotinas?
Eu, pois tá claro.
O mais velho ao ATL de sempre, mas cheio de novidades.
Ela ao ATL do mano grande, já que optámos por isso, mas sem os amigos que fez - uns porque mudaram de escola, outros porque ficaram no outro ATL. Espero que reencontre aqueles que estão agora no 2º ano do 1º ciclo e que foram amigos dela na creche.
O mais novo na sala nova, reencontros e novos amiguinhos.
E eu, bem eu preciso mesmo de mais café.
Mãe sofre - estou aqui ansiosa por saber como correu este primeiro dia.

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Leituras 2017 #17

Do site da bertrand
Sinopse Bertrand:
"Kat Donovan, uma detetive de Nova Iorque, observa os perfis de um site de encontros amorosos. Subitamente depara-se com uma fotografia que a perturba: ali está a cara do homem que, anos antes, a abandonou em pleno noivado. Nisto, ao enviar-lhe uma mensagem, Kat vê-se enredada numa inesperada e tenebrosa conspiração. À medida que investiga, apercebe-se de que a sua vida e a dos seus pais assenta numa mentira. O mistério estende-se ao próprio homicídio do pai que permanece inexplicado. Mas Kat está disposta a tudo para desmantelar esta rede criminosa que opera através da Internet, nem que isso a force a remexer num passado doloroso."

A minha opinião:
 Kat é uma detective que tenta desvendar o maior caso da sua vida - o assassinato do pai, também ele um polícia.
Ela vai visitar o homem que confessou o crime,  por não acreditar na sua confissão, e essa visita abre caminho para que Kat tente saber mais sobre a vida do seu pai, tanto pessoal como profissional. E aqui os segredos de família ajudam a desvendar algumas coisas, mas acho que ao mesmo tempo poderiam ter sido mais trabalhados, são fulcrais e parecem apenas acontecimentos de segundo plano.
Ao mesmo tempo, Brandon Phelps que procura a sua mãe, desparecida numa viagem com o seu novo namorado, pede ajuda a Kat para encontrá-la. Ela não estava muito confiante que a mãe de Brandon tivesse "desaparecido", mas o facto de  o ex-noivo de Dana Phelps ser o ex-noivo de Kat que apareceu recentemente num site de encontros, deixa-a intrigada. E é este amor mal resolvido na vida de Kat, que se por um lado a impulsiona a saber mais, por outro lhe tolhe os movimentos.
Somos levados ao desfecho da história, mas antes o autor faz com que consideremos várias hipóteses.
Vale a pena ler, porque não é o típico livro policial.

 

Template by Suck my Lolly