quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

As pessoas que nos suspreendem pela positiva e as que não nos deixam de surpreender pela negativa

As que gostam do que fazem, que têm paixão pelo que fazem, que não se importam de mostrar a sua arte, de partilhar os seus conhecimentos, de dar dicas, de ensinar boas práticas. Essas dão gosto ver, ouvir, fazem-nos bem e incentivam-nos a procurar ser melhores.
As que nos enganam com um sorriso no rosto. Que querem saber não por preocupação ou vontade de ajudar, mas para arranjar munições para mais tarde avivar a nossa fogueira. As que mentem para conseguirem o que querem, que dizem mentiras a nosso respeito a seu proveito, é um desgosto saber da suas presença, é um esforço ter de lhes sorrir e ser cordial. É aqui que a educação é posta à prova, que a boa vivência e convivência em sociedade tem o seu teste. Nestes momentos, digam o que disserem sinto-me traída, com vontade de deitar tudo cá para fora e não, os sapos que engulo não sabem a frango, sabem mal, muito mal.

3 comentários:

Karochinha disse...

Descreveste na perfeição o sabor amargo que sinto por ter de sorrir a certos alguéns, por simples obrigação moral! Adorei...e vou voltar!
Beijocas nossas e as melhoras da tua menina, tens é de ter paciência, costuma demorar uns dias a notarem-se as melhoras....

Joa disse...

bem verdade, infelizmente!

Luna disse...

A vida no ultimo ano e meio deu-me grande lição pela negativa, reconheci quem eram meus verdadeiros amigos, quem simplesmente queriam ver pelas costas. Aos 1 digo mto obrigado, aos 2 silencio e distancia são maior arma. Não desanimes essas pessoas pobres em espirito logo vão ter a sua sentença, já dizia meu avô que a mentira tem perna curta!
bjos

 

Template by Suck my Lolly