quarta-feira, 20 de junho de 2012

Por falar em livros

Sou uma dependente, confesso. Já disse aquilo que não gosto de ler, mas se há um autor que me causa comichão é José Saramago. Sim, eu sei que o senhor ganhou o prémio nobel, mas que querem, não gosto da escrita dele.
Por causa da minha amiga São, já li dois livros dele e confesso, fiquei na mesma, não me convence.
Outro escritor que nem aquece nem arrefece é Miguel Sousa Tavares. Dele só li Equador, uma oferta de aniversário, e estava a ver que nunca mais chegava ao fim, achei-o demasiado descritivo, a história perdia-se pelo caminho. O outro que li foi Rio das Flores e já gostei mais. Concordo que 2 livros é pouco para avaliar um autor, mas como disse, para mim é autor morno.
Já Nicholas Sparks é um autor completamente diferente. Aqui, a minha veia lamechas e romântica fala mais alto. A Sãozita não gosta, ok, eu também não gosto do seu apaixonado Saramago, por isso estamos quites.
Não li grandes coisas do senhor, apenas As palavras que nunca te direi do qual não é preciso dizer mais nada, e o célebre também O diário da nossa paixão.
Entretanto, já devorei toda a Saga Twilight e está na calha A breve segunda vida de Bree Tanner e fiquei curiosa com o livro Nomada da mesma autora.
Christopher Paolini é um autor apresentado pela São e foi uma bela surpresa. Basta apenas aproveitar-me da sua mais que boa vontade e pedinchar o último livro da Saga Herança.
Numa outra linha, um autor que gosto bastante é Augusto Cury, não tenho tantos livros dele como gostaria, mas são aqueles que gosto de reler, às vezes apenas passagens, mas gosto.
Claro que podendo, e tendo como não só monetariamente como em tempo e local de arrumação, era menina para fazer da leitura a minha vida.
Já conhecem um pouco mais de mim e de um dos meus maiores gostos.
Já agroa, e não querendo ser pedinchas, se algum autor/editora me quiser fazer muito feliz é só partilhar livros comigo. Prometo que os trato muito bem e que dou uma opinião sincera :)

7 comentários:

mumdream disse...

Se quiseres alguns livros do Nicholas Sparks, diz que tenho todo o gosto em enviar-te alguns.
Acho que os tenho todos, lol. Ultimamente começo a ficar cansada dele, porque começa a ser tudo igual, mas choro em quase todos os livros, hehehehe.

Nany disse...

Ai manda manda que eu agradeço.
:)

Mamã de Salto Alto disse...

Também detesto o Saramago.As minhas desculpas a quem gosta,mas não consigo.Já o Equador,foi dos livros que mais gostei.Eu adoro,romances históricos.Hás-de experimentar a Jude Deveraux,a Jill Mansell e a Nicky Pellegrino...a última então,adoro!!Se quiseres empresto-te!

t disse...

Noquitas! Estamos quites sim senhora! E ainda bem que não temos gostos de leitura iguais porque assim as opções de partilha são muito maiores! :-) Eu sou uma apaixonada pelo Saramago, confesso! Adoro o senhor! Em contrapartida o Equador deve ter sido dos poucos ou mesmo únicos livros que deixei a meio... não há pachorra! LOL... Quanto a Augusto Curry não sou apreciadora... acho que tenho para aí um livro dele que me foi emprestado pela Isabel e nunca devolvi....

Tia São disse...

Ups... devo ter carregado no enter sem querer! Daaah!

Nany disse...

Ena já tenho pessoas solidárias com a minha paixão e quererem emprestar-me livros. Claro que sim, podemos combinar?

Mamã de Salto Alto disse...

Podemos pois.Moras em Lisboa?

 

Template by Suck my Lolly