quarta-feira, 11 de abril de 2012

MAC

Fechem a Maternidade, vá lá, fechem, mas para que raio é que ela serve afinal?
Nada, nadinha, só serve para trazer crianças ao mundo e todos sabemos em que estado anda o mundo e o país. É que bebés, seres pequeninos e giros, futuro da humanidade enquando seres humanos, são um bem considerado caro e como tal em austeridade corta-se no superfulo.
A sério, de todas as medidas deste governo, das reorganizações das freguesias, do fechar de urgências, do aglomerar de hospitais e centros de saúde, da falta de médicos, do corte nos subsídios vários e nos ordenados, nas novas leis que regem o código de trabalho e tudo mais, esta é a medida mais hedionda que já ouvi.
Ai que não temos gente nova a trabalhar e ninguém desconta, a segurança social está na penúria e a dar os últimos fôlegos. Então o que fazemos? Fechamos a Maternidade claro está, aquilo é um galinheiro e para pintos bastou a Páscoa. É que vistas bem as coisas as mães faltam ao trabalho por causa das consultas, depois ficam em casa de baixa e toda a gente sabe que gravidez não é doença (só mexe com o corpo inteiro e pode ter várias complicações associadas, e ainda estou para descobrir uma grávida que goste delas), depois ficam 5 meses em casa, a seguir gozam 2h de amamentação diária, depois as consultas e os meninos doentes, etc etc e nada de produzir. Temos é de produzir, trabalhar que nem máquinas e que se lixe a família.
A sério. Estava a tentar não falar disto em "público", mas apesar de nem eu nem os meus filhos lá termos nascido, e acho que também nunca lá entrei, medidas desta brutidade são demais.
Mas fechem a maternidade vá. Afinal ela só serve para apoiar os seres mais novos que são apenas e só o nosso futuro, a nossa "2ª oportunidade" de não metermos a pata na possa. Para que ela serve afinal?

2 comentários:

Maggie disse...

Eu nasci lá e a minha irmã tbém, a unica memória que tenho da MAC é de há 32 anos, eu com 4 anos sentadinha á espera que a minha irmã nascesse. Não tenho qualquer vinculo afectivo á MAC porque nasci lá. Apenas gosto do edificio mais nada. Para mim há medidas que mexem mais com a vida das pessoas do que o fecho da MAC, mas pronto, isto toca nos corações!

Maggie

Tia São disse...

Não posso deixar de ficar calada... Desculpem! È certo que todas as pessoas que apenas lá nasceram e não mais lá voltaram não tem qualquer vinculo à MAC, agora nós que fomos mães lá, que fomos apoiadas pelos magnificos médicos que lá existem, que ouvimos o primeiro berro dos nosssos filhos dentro daquelas salas, que vivemos as nossas primeiras horas de "mães" rodeadas de gente estranha, profissionais, que melhor ou pior nos vieram apoiar, nós sim, temos um grande vinculo com a MAC. Que a fechem se tiver mesmo que ser, mas não nos peçam para ficarmos caladas e não reagirmos, até porque a MAC é muito mais do que uma simples Maternidade! Há muito mais dentro da Maternidade do que simples bébés a nascer! Claro que há medidas que "mexem" muito mais com as pessoas do que esta, mas não devemos esquecer que nem todas temos possibilidade de ter os nossos rebentos em Clinicas e Hospitais privados todos XPTO... E não vale a pena argumentarem com tudo aquilo que corre mal na MAC, porque ovelhas negras há-as em todo o lado... infelizmente!

 

Template by Suck my Lolly