terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Olhar o céu e respirar fundo

Ontem, quando cheguei a casa, ainda  a sair do carro vi uma mãe com a sua filha que estava transtornada. Algo, no dia daquela criança a tinha deixado triste e ela contava à mãe. Não sei o que foi, mas para a criança era grave e desesperante, pois chorava.
A mim, o que me marcou foi a atitude da mãe, lá deve ter falado com ela, não ouvi, só apanhei a parte onde lhe dizia para olhar para o céu e respirar fundo, várias vezes, no fim sorrir.
Gostei. Um gesto simples e tão complicado.
Hoje de manhã, mais uma vez atrasada, stressada, a correr depois de deixar os meninos na creche lembrei-me e fiz o mesmo: olhei para o céu, respirei fundo e sorri. A seguir levei logo com um sorriso de uma senhora que passava, vim mais calma para o trabalho, já fiz tudo o que tinha estipulado para hoje (o que não era pouco). Já recebi uma boa notícia a nível familiar, já me estou a dedicar a um outro trabalho com data limite de dia 31 janeiro.
Não é fácil, olhar para o céu e respirar fundo. Mas vale a pena. Um gesto simples e ao mesmo tempo complicado. Tenho de me lembrar mais vezes, por mim, por eles, por nós.

1 comentários:

Mamã de Salto Alto disse...

Ás vezes é complicado,não é Nany?Ser mulher,mãe,trabalhadora,esposa...é preciso olhar muitas vezes para o çêu e respirar fundo....

 

Template by Suck my Lolly